Aconteceu no: Rio de Janeiro

  Rio - O reitor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Roberto Leher, disse, na madrugada desta segunda-feira, que as dificuldades logísticas e estruturais dos bombeiros prejudicaram o combate ao incêndio no Museu Nacional. O incêndio no museu, vinculado à UFRJ, começou por volta das 19h30 de domingo e só foi controlado por volta de 3h. Na manhã desta segunda-feira, o trabalho de rescaldo ainda é feito. 

  "Reconhecemos o trabalho valoroso do Corpo de Bombeiros, mas a forma de combate ao incêndio não foi da mesma proporção e escala do incêndio. Percebemos claramente que faltou uma logística e uma capacidade de infraestrutura", disse Leher.

  O reitor também reconheceu que, por ser um prédio centenário, a sede do museu não atendia totalmente às exigências contra incêndio. "Essa é uma edificação muito antiga que foi concebida em um contexto em que não existia o uso de energia, muito menos o uso intensivo de energia como são as edificação acadêmicas, que têm laboratórios, área administrativa, informática. É um prédio que dispunha de brigada, nós temos um trabalho sistemático com o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil, de trabalhar com a brigada. Extintores estavam em dia. Obviamente, a universidade precisa de uma reforma estrutural e foi isso que buscamos com o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social)”, disse.

 

  Ainda na noite de ontem, três horas após o início do incêndio, o comandante do Corpo de Bombeiros,  coronel Roberto Robadey, falou com a imprensa que a falta de carga de água nos hidrantes próximos ao museu atrasou o combate às chamas. Com isso, a Cedae foi acionada. "Pedimos apoio a eles (da Cedae) de carros-pipa e também trouxemos os nossos carros da Baixada Fluminense. Os dois hidrantes mais próximos estavam sem carga", disse o militar.

https://odia.ig.com.br/rio-de-janeiro/2018/09/5571676-faltou-logistica-e-infraestrutura--diz-reitor-da-ufrj-sobre-combate-a-fogo-no-museu-nacional.html

Incêndio destrói acervo e prédio do Museu Nacional, na Quinta da Boavista

Alexandre Brum / Agência O Dia

Email: aconteceu.no.rj@gmail.com

ZAP

(21) 97900-2081